"Somos como águias enjauladas; mas mesmo por detrás das grades podemos olhar os céus expansivos e extrair inspiração de uma estrela." Pensamentos para aspirantes- Sri Ram

Yoga


Esclarecimento relativo ao Yoga

O Yoga é uma via de aperfeiçoamento do indivíduo, mas longe estão os praticantes de yoga ocidentais de compreender esse intuito.

O Yoga é todo um conjunto de ensinamentos que serve para “matar” a personalidade e fazer com que a individualidade “nasça”. No Homem a personalidade manifesta-se através das acções que tenham implicadas o seguinte estado “Para o meu bem”. A individualidade, por sua vez, manifesta-se quando as acções expressão o estado “Para o bem de todos”.

É certo que muitas das escolas de yoga que nos dias de hoje florescem como cogumelos, são inofensivas, e são tão benéficas o quanto é a prática de um saudável desporto ao som de uma boa música com bons pensamentos na mente, no entanto, embora algumas práticas necessitem de outros interruptores para activarem determinados processos, não deixam de provocar determinados efeitos em pessoas que sejam mais sensíveis e por regra geral podem ser mais prejudiciais que benéficos.

Disse um Mestre “As pessoas são como finos fios eléctricos repletos de impurezas. Experimentem aplicar uma tensão a um fio assim e verão o que acontece. Rompe.”

Azoth


Yoga
(Sânscrito) União.
Objectivo
Alcançar a união com a divina essência espiritual, a qual é virtualmente idêntica à essência espiritual ou Logos do universo. O verdadeiro Yoga é uma filosofia genuína baseada numa completa compreensão filosófica da total constituição interior do Homem.
As várias etapas do Yoga
1ª Yama – (restrição, proibição)
2ª Niyama – (observância religiosa – preces, penitencias, etc.)
3ª Asana – (posturas de vários tipos)
4ª Pranayama – (métodos para regular a respiração)
5ª Pratyahara – (Retiro)
6ª Dharana – (firmeza, resolução, concentração mental, fixando a mente num objecto do pensamento)
7ª Dhyana – (contemplação abstracta ou meditação livre de qualquer distracção)
8ª - Samadhi (consciência e faculdades completas em união com a essência monádica)
Vários tipos de Yoga
Karma Yoga
Hatha Yoga
Bhakti Yoga
Rajá Yoga
Jnana Yoga
Advertência para quem quer praticar Yoga
Todos os grandes Mestres advertem que nenhum sistema de yoga deve ser praticado se não for supervisionado por alguém que conheça os perigos que resultam quando se lida com o aparato psico-mental da constituição humana, uma vez que perigos surgem a cada passo, mexer com estas coisas pode trazer consequências graves sobre aquele que lida com elas, quer em matéria de saúde física, quer em matéria de equilíbrio e sanidade mental.
Requisitos necessários para o praticante
Cada um deve cuidadosamente observar e controlar os seus actos, agir de uma forma não egoísta; deve-se viver de tal forma que os seus hábitos diários distraiam o menos possível a atenção do propósito espiritual; o seu coração conscientemente deve estar cheio com devoção e amor por todas as coisas; e deve-se cultivar, ao mesmo tempo, a sua vontade, a sua capacidade de sacrifício, a devoção por uma causa nobre, a capacidade para se manter firme e intrépido face às dificuldades quaisquer que sejam elas.

O praticante nunca alcançará o seu objectivo se a sua prática de Yoga é sustentada com um propósito individualista de evolução. Ele nunca atingirá patamares superiores ao plano astral mesmo em consciência.

In: Glossário Teosófico Enciclopédico

Sem comentários:

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin